sexta-feira, 11 de junho de 2010

Guarulhos lança programa para prevenir impactos do Rodoanel

Guarulhos lança programa para prevenir impactos do Rodoanel


A cidade de Guarulhos saiu na frente dos municípios da Grande São Paulo na prevenção dos impactos ambientais que devem resultar da implantação do Rodoanel. Depois do anúncio da construção do trecho norte, mesmo sem a definição do traçado que integrará a rodovia Dutra ao Aeroporto Internacional de Cumbica nos próximos quatro anos, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente lançou, na última segunda-feira (7), o programa Ecoanel.
Trata-se de uma iniciativa que prevê a criação de oito corredores ecológicos, com o plantio anual de 10 mil árvores nativas, para formar um cinturão em volta dos pontos mais urbanizados da cidade, onde estão concentradas as ilhas de calor, e com isso minimizar os efeitos do aquecimento global.
Os corredores arborizados vão ligar a Serra da Cantareira ao Parque Ecológico do Tietê. Além do benefício climático, a integração dessas áreas trará mais abrigo e alimento para a fauna local e facilitará a circulação das aves que, atualmente, não têm onde pousar e acabam se acidentando nos fios de alta tensão.
A arborização já começou. Mais de 3 mil mudas de árvores foram plantadas na Marginal Baquirivu, na região do Taboão, e 4 mil mudas foram plantadas na avenida Santos Dumont, na Cidade Satélite Industrial de Cumbica. O plantio de árvores deve continuar no Viaduto Cidade de Guarulhos, nas avenidas Paulo Faccini, Salgado Filho, Suplicy, Benjamim Harris Hunnicutt, Transguarulhense, avenida C, e nas ruas Azinar Vargas Batista e Maria Dias Hog.
Mais informações sobre Guarulhos no site www.guarulhos.sp.gov.br